Em Brasília será que o crime compensa?

Os sócios do Supercei respondem por sonegação de quase R$ 260 milhões Eles também são acusados de lavagem de dinheiro no valor corrigido de R$ 218.464.000,88

Conforme noticiou o portal Metropoles a dias atrás, é curioso observar que a monumental obra ilegal do atacarejo/shopping do itapoã localizada as margens da DF 250, o dono do Supercei é o empresário que está a frente da obra irregular e ilegal, empreendimento encabeçado conforme citado no processo do TJDFT por Hélio Felis Palazzo e demais pessoas que procuram não serem identificados, tendo sido Hélio no dia 6/7/2018 preso pela PCDF na operação batizada de Invoice e denunciado no dia 18/2/2019 pelo MPDFT (promotoria da ordem tributária) por sonegação fiscal da ordem de R$ 260 milhões de reais dos cofres do DF.

O empreendimento é ILEGAL tendo sido construído em uma área com proibição judicial determinada pelo TJDFT (vara do meio ambiente), justiça federal (9 vara federal do DF ), auto de demolição expedido pela AGEFIS, recomendação do MPDFT para cumprimento das decisões judiciais, sem alvará de construção e licença de instalação do IBRAM em uma área de proteção de manancial do córrego Cachoeirinha.

As constantes denúncias parecem não ter surtido efeito, deixando em nós a pergunta se o crime compensa ? O empreendimento encontra-se concluído e irá começar a funcionar segundo informações anônimas nessa sexta-feira dia 22/02/2019 por ordens de autoridades locais, provando que ordem judiciais de demolição não foram cumpridas, a AGEFIS que derruba invasões de pessoas humildes é a mesma que faz vista grossa a
Empreendimentos milionários

Essa obra poderá além do dano ambiental, trazer muito transtorno as famílias que moram nas proximidades, já não é de hoje que o transito na DF 250 é caótico, agora com a proximidade da inauguração , notamos veículos pesados que irão prejudicar ainda mais o transito naquela região que poderá causar danos ambientais irreparáveis.

 

Fonte: http:newscapital.com.br

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here