INVASÃO, de calçadas e estacionamentos no comércio do Paranoá-DF

Comerciantes do Paranoá invadem calçadas e estacionamento, dificultando a passagem dos consumidores, idosos e cadeirantes, violando o direito de ir e vir.

Foto: Arquivo Redação A Voz do Povo-DF

Nossa redação visitou o comércio do Paranoá e constatou a invasão de áreas públicas pelos comerciantes da cidade, além de colocar as mercadorias nas calçadas fazendo extensão das suas lojas a moda agora é invadir estacionamento com cones e mercadorias. Sem fiscalização e pulso forte, o governo faz vistas grossas para esse absurdo que acontece no Paranoá, onde nenhuma solução é tomada pela Agefiz e Administração, que fiscalizam as invasões de áreas públicas no DF.

Foto: Arquivo Redação A Voz do Povo-DF

Paranoá tem o maior comércio em funcionamento da região norte, uma avenida de quase 03 km funciona das 07:00 da manhã até as 02:00 da madrugada, na Avenida central as invasões correm solta, não tem fiscalização, os comerciantes fazem das suas lojas um puxadinho onde colocam, Colchões, pneus, carros, motos, materiais de construção, cavaletes e araras de roupas, tudo que você imaginar esta ocupando o espaço na calçada, isso dificulta a passagem dos cadeirantes e pedestres que tem de disputar espaço com carros na avenida movimentada da cidade.

Foto: Arquivo Redação A Voz do Povo-DF

A ocupação do espaço nas calçadas que são área pública, existe justamente uma divisão de fiscalização para coibir e cobrar o uso desse espaço físico ocupado pelos comerciantes e os  vendedores ambulantes que ficam em frente ás lojas. As lojas que tem mais invasões são as lojas de materiais de construções, logo atrás vem as lojas de roupas e utensílios do lar, seguindo vem casas agropecuárias, lojas de colchões, borracharias.

Foto: Arquivo Redação A Voz do Povo-DF

Todos desrespeitando e violando o direito de ir e vir, sem contar que colocam em risco de morte os consumidores, idosos e cadeirantes. Procuramos alguns lojistas mas não quiseram comentar sobre a invasão de área pública. Esperamos que a administração do Paranoá na gestão do Sergio Costa damasceno e Agefiz, tomem uma solução o mais rápido e dê a resposta a população do Paranoá mais breve possível.

Fonte: Redação Blog A voz do Povo-DF

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here