Veja: Hospital do Paranoá pacientes agonizam nos bancos de cimento esperando atendimento.

Pacientes sofrem aguardando até 06 horas por atendimento na emergência do hospital do Paranoá.

Foto: Arquivos do blog A voz do Povo- DF

Estamos a mercês do atendimento precário aqui no hospital do Paranoá, faltam médico e auxiliar de enfermagem para fazer o atendimento na emergência do hospital, segundo um técnico nos passou informações que o hospital tem 02 médicos de plantão para atender a emergência e os pacientes já internados nos box da ala masculina e feminina,  congestionado os corredores e entrada do hospital.

Foto: Arquivos do blog A voz do Povo- DF Paciente sentindo dores sendo carregado pelo amigo.

VEJA: vídeo do Paciente sentindo muita dor abdominal aguardando medicamento, deitado no banco de concreto e ao lado um rapaz com 40 minutos esperando eles retirarem o soro que já havia acabado.

A triagem que é feita não leva 30 minutos, disse a esposa do senhor que estava sentindo fortes dores no abdômen, mas o atendimento médico e a medicação demora muito e ficamos aqui sofrendo junto com ele se contorcendo de dor em um banco de cimento gelado, disse que não tinha as pulseiras para colocar nos pacientes, estavam improvisando e colocando uma pulseira branca escrita com caneta as cores, tipo Verde, laranja, Amarela, Vermelha, que são as pulseiras usadas para identificar os casos mais urgentes.

Foto: Arquivos do blog A voz do Povo- DF
Encontrarmos vários outros pacientes sentados tomando soro fisiológico e medicamentos nos bancos gelados sem maca ou cadeiras de rodas, por falta de profissionais no atendimento vimos que a maioria já tinham acabado o soro e nenhum técnico veio retirar, todos ocupados, sem falar na sala minúscula de medicação com apenas 2 técnicos atendendo os pacientes com uma fila imensa sem organização alguma.
Foto: Arquivos do blog A voz do Povo- DF

De tanto aguardar o atendimento um paciente se revoltou com o atendimento demorado e resolveu colocar a sua raiva para fora descontando na porta de entrada do raio x, quebrando o vidro e sendo conduzido a 6ª DP para ser autuado por danos ao patrimônio público.

Fonte: Redação/ Flávio Rodrigues

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here